Nota dos estudantes indígenas da UFGD

Nós, estudantes indígenas da Universidade Federal da Grande Dourados, nos manifestar através desta nota contra os cortes no orçamento público do Programa Bolsa Permanência do MEC (Ministério da Educação) e também repudiamos a falta de transparência do MEC frente às medidas que estão sendo tomadas referentes ao seu orçamento e sua real gestão.

A medida adotada pelo MEC de oferecer apenas 800 bolsas-permanência para todos os estudantes indígenas matriculados nas universidades federais para uma demanda de aproximadamente 5.000 novas vagas para o programa mostra quem são os escolhidos para pagar a conta do “Ajuste Justo” proposto pelo Banco Mundial e pelo Governo Federal.

O MEC ainda propõe que seja criado um Grupo de Trabalho (GT) com o objetivo de criar critérios para o acesso dos 800 estudantes indígenas e quilombolas no Programa Bolsa Permanência. Compreendemos que esta proposta fere os direitos dos estudantes universitários em situação de vulnerabilidade socioeconômica, indígenas e quilombolas e nos coloca em situação de disputa pela condição mais vulnerável, o que nos enfraquece e divide.

Essas são medidas de austeridade aplicadas pelo Governo Federal nas universidades públicas por todo o Brasil como parte de um projeto de desmonte do ensino público, que visa entregá-lo ao capital privado– proposta feita pelo Banco Mundial e por diversos gigantes do sistema capitalista nacional e internacional.

A proposta do MEC não nos representa, pois ela não é democrática nem transparente. Diante dessas decisões arbitrárias, nós estudantes indígenas da UFGD, repudiamos a proposta apresentada, pois não contempla a nossa realidade na universidade. Não permitiremos que o futuro de nossa universidade seja decidido a portas fechadas.

Exigimos o imediato diálogo, com todos os representantes dos estudantes que fazem parte do perfil exigido pelo Programa Bolsa Permanência das universidades federais, sobre o andamento da verba pública que é destinada à educação e, principalmente, à Universidade Federal da Grande Dourados.

Contra o sucateamento da educação, RESISTIREMOS E PERMANECEREMOS!

Contamos com apoio de todo o Movimento Estudantil, nas figuras dos Centros Acadêmicos da UFGD e do Diretório Central dos e das Estudantes já que somos estudantes em diversos cursos de graduação, assim como, contamos com o apoio de todas as pessoas que se fazem presente nesta luta e que apoiam as nossas reivindicações e mobilizações.

Dourados – MS, 14 de Junho de 2016.
__________
CAMPANHA DE ARRECADAÇÃO DE ALIMENTOS
Diante da situação de vulnerabilidade dos estudantes indígenas estamos organizando e apoiando uma campanha de arrecadação de alimentos. Saiba mais no link: https://goo.gl/e3X75C

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: